A evolução das Tendências de SEO através de 25 anos

 No início, houve luz. As possibilidades são, como os primeiros sinais de SEO surgiu ao lado da aurora da Internet, poucos teriam previsto o vasto impacto que teria sobre a vida diária tão pouco tempo depois.

Depois de apenas um quarto de século, SEO evoluiu a partir da simplicidade de um organismo unicelular em uma vida, respiração e estrutura adaptável usado para criar relacionamentos valiosos e relevantes. Hoje, SEO conecta uma geração de indivíduos em conhecimento com fome de informação orientada através de uma rede de personalizado, mídia conteúdo acessível e envolvente.

Para prever de forma inteligente o futuro do SEO, é essencial primeiro entender as tendências que surgiram ao longo do tempo.

Primeiros sinais de vida (1991 – 2002)

Em 6 de agosto de 1991, Tim Berners-Lee lançou o primeiro site do mundo, que ainda está vivo hoje. Ao longo dos próximos anos, muitos mais sites surgiram oferecendo aos usuários informações com nu-ossos usabilidade e otimização.

Eventualmente, como sites lotaram a Internet, os primeiros motores de busca preencher uma necessidade de estrutura e acessibilidade. Plataformas de busca como o Excite revolucionou a forma como a informação foi catalogada em 1993, e fez mais fácil encontrar a informação, classificando os resultados com base em palavras-chave encontradas dentro de conteúdo e otimização de infra-estrutura.

Pouco tempo depois, os principais concorrentes como Yahoo (1994) e Google (1997) entrou em cena para melhorar e simplificar a forma como os dados são indexados e entregues.

Neste estágio primitivo de SEO, vale tudo. Os comerciantes iria alavancar palavra-chave enchimento, etiquetagem excessiva, e (muitas vezes com spam) backlinks para gerar altas classificações em pesquisa. Muitas vezes, grandes atualizações algoritmo levaria vários meses para ser concluído, permitindo táticas black-hat SEO de permanecer eficaz durante longos períodos de tempo.

Futuros gigantes de busca como o Google começou a ver as oportunidades para conectar os usuários para o conteúdo mais valioso e trabalhou para implementar as regras e regulamentos da Internet que temos em vigor hoje.

The Early Days (2003 – 2005)

Na esteira da otimização táticas antiéticas, o Google assumiu o comando no desenvolvimento de um campo de jogo mais nivelado para as marcas e produtores de conteúdo para ganhar rankings. Este período trouxe muitas atualizações que penalizaram práticas ligando ruins e palavra-chave enchimento para melhorar a indexação.

Em um esforço contínuo para melhorar o valor ea relevância dos resultados, os motores de busca oferecido um primeiro vislumbre de pesquisa personalizado com base no histórico do usuário. Além disso, o nascimento de SEO local ajudou a conectar os usuários com informações valiosas perto deles, tais como mapas, locais, horas de loja, e os resultados móveis.

Nesta época, marketing focada fortemente na geração de ligações de entrada para aumentar a exposição de busca. O lema do Google de “não seja mau” é evidente através de suas tentativas de regular os resultados da pesquisa e garantir marcas ganhar resultados com práticas éticas. No geral, este período construiu a fundação para uma web mais personalizada e focada no usuário.

A Idade Média (2006 – 2009)

Recent trends in search and user behavior influenced the need for a more reactive search experience. This period ushered in features like Google’s Universal Search to offer more engaging content media in search results such as news, images, and video. Real-time updates from Google News, Twitter, and newly-indexed content blended the need for optimization with timely, user-focused content.

In 2008, Google Suggest was launched to improve usability and offer users more relevant content by displaying suggested search options based on historical data. This shift, paired with new user insights from keyword research tools, Google Trends, and Google Analytics, made optimization much more focused and targeted.

This user-focused approach to SEO helped lay the foundation for a more captivating and personalized web. Marketers began optimizing new content media for search to increase exposure. They focused on user intent and expanded usability as the need for instant gratification became more apparent.

O Iluminismo (2010 – 2012)

A grande mudança ocorreu em SEO, forçando marcas para ganhar rankings através da qualidade, conteúdo focado no usuário ou enfrentar sanções em busca.

As principais atualizações do Google aplicadas regulamentações mais rigorosas em palavras-chave, a qualidade do conteúdo, e excesso de otimização. Isto impactou significativamente a forma como os resultados foram indexados. Marcas que não estejam em conformidade com novos regulamentos, como JC Penney e Overstock, tinham seus nomes arrastados pelas ruas de dar o exemplo.

Junto com os novos regulamentos vieram novos recursos de busca que visavam a crescente expansão de curiosidade, acessibilidade e conexões sociais entre os usuários. Novos recursos como Knowledge Graph da Google lançou para incluir painéis em páginas de resultados de busca (SERPs) que oferecem respostas imediatas sem a necessidade de usuários que cavar através de conteúdo.

Melhores resultados de SEO localizadas foram listadas diretamente em SERPs para organizar toda a informação local e oferecer novas oportunidades de publicidade. Google Instant expandiu Google Suggest para fornecer resultados mais rápidos e melhorar a experiência do usuário, exibindo os resultados como uma consulta está sendo digitado.

Além disso, uma geração de crescente influência da mídia social trouxe resultados sociais para pesquisar como uma força motriz. Nesse período, o Google+ nasceu junto com o botão +1, sendo que ambos desempenharam um fator significativo para uma maior visibilidade conteúdo.

Para otimizar um site com sucesso, os comerciantes desenvolvido um conteúdo valioso e compartilhável focado em direção a usuários. Conteúdo que foi compartilhado por toda a mídia web e sociais criado backlinks valiosos e engajamento que construíram autoridade. Estas tendências levar ao alvorecer da era da informação – a web em ritmo acelerado, personalizado, e mais envolvente que conhecemos hoje.

A Idade Moderna (2013 – Presente)

Hoje, encontramo-nos numa encruzilhada. Há uma luta aparente entre personalização e privacidade.

Como grande pesquisa e potências sociais construir um ambiente digital optimizados em torno intenção do usuário, ouvimos usuários chorar por segurança e táticas de marketing menos invasivos.

Marcas como dados do usuário alavancagem do Google para desenvolver seu próprio conteúdo digital personalizando os resultados com base na história, localização e dispositivo. Este mesmo dados é muitas vezes escondido de comerciantes e cria um catch-22 que exige uma abordagem mais criativa para gerar engajamento por meio da otimização de conteúdo.

Nesta era de SEO trouxe em outra mudança para o conteúdo relevante e acessibilidade com busca móvel e local. Hoje, os sites que faltam otimização móvel ou desenho responsivo perderam visibilidade de busca no Google.

Conteúdo segmentado, otimizado para o dispositivo ea intenção do usuário, oferece a maior oportunidade para aumentar a autoridade de busca através da construção de relações, aproveitando as palavras-chave de cauda longa, e construção de links. Hoje, a Internet exige personalização e conteúdo de qualidade para ser competitiva.

O Futuro

Há poucas coisas que sabemos com certeza sobre o futuro do SEO, mas sem dúvida, podemos esperar ver um nicho mais focada e experiência construída em torno intenção do usuário e de alta qualidade, conteúdo exclusivo.

A Internet está transformando a oferecer mais personalizado, gratificação instantânea. Os usuários querem resultados de pesquisa para oferecer uma compreensão contextual imediato com o mínimo esforço. Tecnologia inteligente e dispositivos portáteis mostram uma tendência em ser constantemente ligado e soluções de conteúdo preditivos.

SEO continuará a evoluir e preencher essa necessidade, possivelmente, aproveitando os dados de plataformas externas para personalizar a pesquisa e oferecer valor adicional. Prepare a sua marca para essa mudança por meio da otimização de novos tipos de conteúdo (tais como conteúdo in-app) em torno de como os usuários pesquisam. Dirija a exposição e envolvimento com conteúdo concisa e direta, otimizado para a intenção do usuário.

Muito provavelmente, SEO será totalmente integrada em todos os ativos Google pode acessar e deve ser um primeiro pensamento a qualquer conteúdo online. Os comerciantes terão de desenvolver uma presença de marca forte e consistente em todos os canais digitais e manter a influência social.

Experiência com mídia conteúdo visual como as tendências mostram uma preferência entre os usuários que procuraram os motores seguirão em breve. Certifique-se o seu conteúdo é acessível a partir de qualquer lugar e bem otimizado para busca local, móvel e até mesmo permitiu-voz. Assumir riscos educados; a sua criatividade e curiosidade será recompensado.

Talvez a melhor maneira de planejar para a evolução do SEO é para não cortar cantos. As tendências ao longo dos últimos 25 anos mostram a importância de demonstrar técnicas de otimização éticos e construir relacionamentos com os usuários e criadores de conteúdo. Como SEO desenvolve, podemos esperar para ver mais regulamentações e sanções para as práticas questionáveis.

Artigo original: http://searchengineland.com/evolution-seo-trends-25-years-223424

Conheça duas importantes estratégias de SEO

Estrategia-SEO-Google-+Separamos nesta postagem duas estratégias ou se você preferir dois passos super importantes para dar inicio ao processo de otimização do seu projeto, depois desses dois passos você poderá começar a implementação das técnicas de SEO e a instalação dos plugins/ferramentas de otimização

1: Verifique o estado de indexação

O primeiro passo é certificar-se de que o site está sendo encontrado! A melhor maneira de fazer isso é verificar seu status de indexação no Google Webmaster Tools e ver como muitas de suas páginas são indexadas pelo Google.

2: Foco no Público- alvo e nas Palavras-chave

O próximo passo é descobrir se você está efetivamente competindo por palavras-chave que os usuários estejam buscando nos motores de busca.

Implementar páginas para cada produto principal e/ou serviço que você oferece é muito importante. Preste muita atenção para suas tags de título, elas poderão ajudar você a entender a forma de concentrar as páginas.

Desenvolva atividades de marketing de conteúdo para obter maior valor mesmo sem motores de busca. Amplie seu network, dê entrevistas a sites de mídia (mídia tradicional ou um blog), você pode escrever um artigo e colocá-lo como um hóspede post em um site oficial.

Evite o caminho mais fácil, não compre links ou um daqueles serviços que oferece ligações à centenas  (estes não irão ajudá-lo e você pode ficar penalizado pelo Google), e afins.

Certifique-se de que qualquer link que você tenha também oferece um valor de construção de marca. Você não precisa defender o link, você deve saber se ele fornece o valor da marca, sem ter que se justificar.

Técnicas de Otimização de vídeos – SEO para Youtube

Youtube-Video-SEO-ServicesAssim como existem várias técnicas de otimização de sites para obter melhores posições nos rankings dos sites de busca como google, também existem ferramentas para otimizar um vídeo para conseguir uma maior exposição nos resultados do Youtube.

Poucas pessoas sabem que o Youtube é a segunda maior ferramenta de busca do mundo, atrás apenas do próprio Google e isso faz dele uma poderosa ferramenta de divulgação de marcas, produtos, empresas… A cada minuto, são postados mais de 48 horas de novos vídeos e oque você está fazendo de fora desta importante plataforma?

Os vídeos têm uma grande atratividade também nos resultados do Google, o que pode aumentar incrivelmente o CTR do seu site rapidamente.

Qualidade de Conteúdo

Este tópico é óbvio, mas muitas vezes a qualidade do conteúdo em segundo plano, então sempre que for fazer SEO, vai precisar pensar em entregar um conteúdo de qualidade. Eles precisam ser relevantes e claros.

Seja objetivo, pois não terá muita chance com os visitantes: a maior parte das desistências ocorrem dentro de 5 segundos, então aproveite essa chance de atrair a atenção do espectador.

Vídeos que são guias, passo-a-passo e análises costumam ter bastante sucesso. Esse conteúdo é muito apreciado pelos usuários, então pode ser um filão interessante para entrar. Mas pense em como pode oferecer algo novo para a comunidade. Não tente fazer o que já existe. Se achar algum tipo de vídeo interessante, tente pensar em como aplicar isso para o seu nicho.

Title

Aqui funciona exatamente o mesmo princípio da otimização de sites. A recomendação é otimizar seus títulos que atraiam os olhares do usuário e o convença a clicar. Que melhor forma de fazer isso do que incluindo a palavra-chave que ele digitou?

Mas tome cuidado! É aí que muitos profissionais erram ao querer criar títulos artificiais só para satisfazer esse ponto. Lembre-se de ter uma chamada interessante, com algum adjetivo conferindo uma qualidade única ao vídeo. Incluir várias palavras-chave sempre terá cara de SPAM, e isso nunca é vantajoso.

Importante: é possível incluir títulos de até 100 caracteres, mas nos resultados do Youtube e Google só cerca de 55 serão exibidos.
Seja criativo nesses primeiros para atrair muitos cliques.

Tags

Utilize as tags como aliadas da otimização, incluindo frases chave para definir o vídeo. Seja claro e não utilize linguagem técnica ou complicada. A ideia é ser uma informação direta pra qualquer tipo de pessoa que estiver lendo.

Você pode abordar novamente suas palavras-chave, mas tente ampliar o escopo delas um pouco mais, inserindo talvez numa pequena frase de 3 ou 4 palavras. Leve em consideração na hora de escolher o título do vídeo em como você as utilizará nas tags.

Description

Inclua na descrição do seu vídeo algumas informações que possam agregar valor ao vídeo, como onde ele foi filmado e porque. Isso aumenta a chance de algum usuário simpatizar com seu vídeo. E quanto mais vínculo o usuário tiver com você,maior a chance dele compartilhar.
Assim como nas outras áreas, inclua também uma descrição com palavras-chave que definem o vídeo. A utilização extensiva das palavras-chave para otimizar seu sitemap fazem com que o vídeo seja melhor indexado pelos robôs de análise, e oferecem um ambiente mais compreensível para o usuário ao ver a palavra que ele digitou no campo de busca.
Importante: é possível incluir títulos de até 500 caracteres, mas nos resultados do Youtube só cerca de 70 serão exibidos.
Novamente, seja criativo para atrair muitos cliques.

Duração

O tamanho de um vídeo é um fator crítico de sucesso. A maioria dos usuários assistem por volta de 1min30seg dos vídeos. Produza vídeos com no máximo 5 minutos. Depois analise as estatísticas, e veja se o seu público tem interesse em assistir todo o vídeo. Com isso você tem uma sustentação para explorar vídeos com maior duração.

Se for um assunto muito grande, tente separar o conteúdo em capítulos divididos em diversos vídeos. Isso torna a visualização mais dinâmica e te dá uma maior chance de manter seu espectador. E justamente o tempo de visualização de vídeos pelos usuários é um fator de ranqueamento.

Video Sitemaps

Uma das melhores formas de mostrar um conteúdo que gostaria de ser indexado é através do sitemap. Então submeta um sitemap do seu vídeo para facilitar a vida do robô do Google.

A ferramenta Webmaster Tools do Google ajuda bastante nisso, tornando o trabalho bem fácil. Novamente, utilize palavras-chave para tornar o conteúdo mais atraente para as ferramentas de busca.

Opções de incorporação

Oferecer o máximo de opções de utilização para os usuários é a melhor forma de aumentar o alcance do seu conteúdo. Uma das formas é disponibilizando aos outros usuários de incorporarem (embedding, em inglês) o vídeo no site deles.

Além de aumentar a exposição potencial, oferecer essa opção pode ajudar na construção de links apontando para o seu vídeo. E novamente, a quantidade de links é um dos fatores de ranqueamento mais importantes, então preste atenção neste ponto!

 

Conheça as principais ferramentas (plugins) de SEO para melhorar seus resultados

Todos nós sabemos que existem várias técnicas de SEO para melhorar seus resultados e desempenho mas oque nem todos sabem é que além destas técnicas existem milhares de plugins tanto grátis quanto pagos que podem dar um melhora significativa no rankeamento nos motores de buscas.

  • Análise On-Page

Google Webmaster Tools (Grátis)

Talvez a ferramenta mais utilizadas pelos profissionais de SEO seja esta. Como é uma ferramenta oficial do Google ela pode lhe dar excelentes dicas sobre problemas em títulos, meta descriptions, erros de crawling entre outros. Temos no Curso Avançado de SEO um módulo só sobre esta ferramenta.

Bing Webmaster Tools (Grátis)

O Bing também possui a sua plataforma para ajudar webmasters. Por incrível que pareça, ela é uma ferramenta mais completa que a do Google e pode lhe dar vários insights interessantes.

Pagespeed Insights (Grátis)

O Pagespeed Insights é a nossa escolha quando precisamos avaliar o tempo de carregamento e otimizações em HTML/CSS/JS de uma página. Ele te dá um guia completo do que fazer.

  • Pesquisa de Palavras-chave

SEM Rush (Pago)

Com a SEM Rush fica muito mais fácil avaliar o seu mercado e quais palavras você pode utilizar em seus projetos. Temos alguns artigos aqui na Mestre sobre a ferramenta.

Ubbersuggest (Grátis)

Uma das ferramentas mais simples e úteis de pesquisa de palavras-chave é esta. Basta entrar com uma palavra-chave e solicitar que a ferramenta verifique no Google quais são as sugestões que ele normalmente oferece para usuários. É uma forma muito boa de aumentar a sua lista e conhecer mais sobre um mercado. Temos no Curso Avançado de SEO um módulo só sobre esta ferramenta.

Google Keyword Planner (Grátis)

É a ferramenta oficial do Google para pesquisa de palavra-chave. É muito útil em Links Patrocinados mas também pode ser utilizada em SEO.

Link Building

Open Site Explorer (Pago)

A Open Site Explorer possui um índice para você analisar quantos links qualquer website possui. Ele também dá diversas informações complementares, tais como informações sociais, títulos de páginas e códigos de retorno. É um bom investimento.

Majestic SEO (Freemium)

Uma das melhores ferramentas de análise de backlinks é esta. A grande novidade é que se você autenticar o seu website na Majestic, você tem os seus relatórios de graça. Você precisará pagar apenas para analisar outros websites que não sejam seus.

Open Link Profiler (Grátis)

Caso você ainda não tenha uma verba para direcionar para ferramentas de link building, você pode utilizar esta de graça. O ponto fraco é que as vezes a ferramenta fica um pouco lenta, mas nada que atrapalhe a sua vontade de utilizá-la.

Monitoramento de Rankings

WebXtool (Freemium)

Com a WebXTool é possível monitorar rankings em formato diário sem perder qualquer mudança. É possível criar uma conta grátis e monitorar até 10 palavras-chave. Acima disto é pago.

Advanced Web Ranking (Pago)

É uma das ferramentas mais antigas do mercado. Possui uma app e uma versão para desktop.

Google Free Monitor (Grátis)

Uma das primeiras ferramentas que eu utilizei foi esta para monitorar rankings. Ela é bem simples e faz consultas de palavras-chave. Não abuse na busca pelos rankings pois o Google pode bloquear o seu IP.

Local Search

Whitespark (Pago)

A melhor ferramenta para local search é esta. Eles possuem monitoramento de rankings local além de outras funcionalidades para encontrar boas fontes de reviews.

Moz Local (Pago)

É uma ferramenta recente da Moz que monitora as suas menções e sugere diversos ajustes que você pode realizar com a finalidade de aparecer melhor posicionado nas buscas locais.

Bright Local (Pago)

Ela é uma combinação das duas acima. Ela monitora os rankings locais e suas menções online.

Extensões e Plugins

WordPress SEO – Yoast (Freemium)

O melhor plugin de SEO para WordPress, com inúmeras funcionalidades.

SEO Gadget for Excel (Grátis)

Criada com a finalidade de ser um grande mashup de várias ferramentas, a SEO Gadget for Excel reúne uma série de APIs para dentro do seu Excel. É muito boa mesmo!

SEO Quake (Grátis)

Uma das extensões mais antigas que já utilizei é esta. Com ela você consegue ver diversas informações de um website quando visualiza os resultados de busca do Google.

Ferramentas mais completas

Moz Analytics (Pago)

Eles possuem mais de 12 ferramentas para lhe ajudar em SEO. Desde análise de Backlinks, passando por análise de palavras-chave e fechando com um gerenciador de projetos. É uma das melhores do mercado.

WooRank (Freemium)

A Woorank é um software voltado a freelancers ou projetos pequenos. Ela pode lhe ajudar na identificação de problemas e dar um direcionamento para a resolução de casos.

SEO Power Suite (Pago)

Uma das últimas ferramentas para desktop que ainda existem. Ela é uma plataforma completa para você ter instalada em sua máquina.

Quais são os fatores positivos e negativos que influenciam o SEO de seu site

Há diversos fatores que influenciam o ranking de seu site no Google. Dentre eles há fatores positivos que impulsionam seu site para a primeira página, e negativos que te jogam para as últimas páginas do mecanismo de busca.

Dentre os fatores positivos que te posicionam na primeira página estão:

  • Palavras chave: são as palavras escolhidas para serem posicionadas nas buscas
  • Título da página: O título da descrição principal
  • Confiança: Se o seu domínio está bem posicionado
  • Autoridade: Tempo e ranking do seu site
  • Tendência nas buscas: Taxa de pesquisas no site
  • Idade do site: Tempo que o site foi criado
  • Links de entrada: Links de qualidade que seu site recebe

Dentre os fatores negativos que te posicionam negativamente estão:

  • Spam de mecanismo de busca: Conteúdo spammer no seu site
  • Alta taxa de bounce: Saída de usuários rapidamente de seu site
  • Conteúdo duplicado: Artigos duplicados com urls diferentes por exemplo.

Escolher um bom nome de domínio é fundamental para ter sucesso com seu site na Internet

Nomes-de-dominio1Um excelente nome para seu domínio é fundamental para o sucesso de seu site na Internet. Nomes de domínios podem ser sugeridos em muitos lugares e viralizarem seu site, através de emails, cartões de negócios, cabeçalho da empresa, e outros materiais de marketing tradicional e digital. Um ótimo nome de domínio é um catalisador para custos reduzidos de marketing. Um nome de domínio de fácil memorização também trará benefícios adicionais, jáque facilitará a propagação  de seu nome através da propaganda boca a boca.

Cuidado ao escolher os nomes

Eu sempre tive o cuidado de escolher nomes de domínios  que fossem fáceis de memorizar e que remetessem diretamente a idéia do que o site faz, como por exemplo: reidacocadapreta.com.br, cadecristo.com.br, drsucesso.com.br e outros nomes fortes e fáceis de serem memorizados.
Agora não adianta também criar um nome de domínio e não consubstanciar o nome a idéia do domínio, publique exatamente o que as pessoas esperam através do nome do domínio, pois este é um ingrediente do sucesso de publicação.

Período de registro de domínio

A idade de um domínio é um fato de classificação do mesmo. Compre domínios que tenham mais de 1 ano publicado na internet, pois são bem conceituados no mecanismo de busca.

Aquisição de novos domínios

A venda de domínios é um bom negócio na internet. Muitos proprietários vendem seus domínios, e você pode criar projetos excepcionais a partir da compra de um domínio, lembre um bom domínio é a chave do sucesso. A GoDaddy.com é uma excelente empresa que vende domínios, e você pode aproveitar de lá bons nomes para iniciar seu negócio online.

Diferentes punições que o seu site pode sofrer do Google

Separamos nesta postagem os diferentes tipos de penalização que o Google pode emitir

Diferentes punições
Diferentes punições

Um dos temas mais polêmicos quando o assunto é SEO são as diferentes penalidades que o google pode submeter ao seu site e um dos motivos para isso é  o fato de não existirem muitas fontes e referências oficiais do site com relação a elas. As penalidades se referem à perda de posicionamento no ranking ou total banimento do site na tela de resultados do Google. Existem muitos rumores em vários fóruns da internet que discutem o tema a respeito dessas penalidades, por isso, é recomendável que tenhamos muito o bom senso em tudo o que ler a respeito. Muitas das supostas “advertências” podem, na verdade, ser atribuídas a alguma variação do algoritmo ou à perda de um link importante apontando para o site.

Um site pode ser punido por não atender às normas de qualidade do Google. Os motivos mais comuns são o uso de técnicas black hat como: cloaking, texto e links ocultos, redirecionamentos mal-intencionados, conteúdo duplicado (geralmente copiado de outros sites) e conteúdo gerado dinamicamente.

Na maioria das vezes, o webmaster sabe os motivos da punição, pois a maior parte dos truques foram feitos de maneira intencional. Há casos em que o webmaster recebeu a punição sem saber que infrigiam alguma das normas do Google, por exemplo, ao utilizar diversos domínios não propriamente redirecionados.

Veja abaixo algumas formas de penalização de um site.

Penalização Manual

Um funcionário do Google examina o seu site e decide penalizá-lo por alguma violação de suas diretrizes de qualidade. Geralmente, esse modo de penalização ocorre quando algum usuário denuncia o site por meio da interface para webmaster do Google. Parece estar frequentemente relacionado aos fatores externos do site, como compra e troca de links.

Penalização Algorítmica

Parece acontecer quando o Google identifica automaticamente, com o seu algoritmo, alguma falha grave no site, como por exemplo repetição excessiva de palavras (keyword stuffing). Geralmente, apenas um pequeno grupo de palavras-chave é penalizado.

Devido as constantes atualizações algorítmicas do Google (Google Updates) dos últimas anos esse tipo de penalização passou a ser uma constante na vida de webmasters e SEOs de todo o mundo. Destaque para as duas autalizações: Google Panda e Google Penguin

Tipos de penalidades do Google

-30 Penalty

Perda de 30 posições no ranking. Se antes você aparecia em primeiro, passa a aparecer após o resultado de número 30, isto é, após a 4ª página do resultado de busca. Todos os seus posicionamentos caem em 30 posições, inclusive para a busca pelo nome de sua empresa.

-950 Penalty

Perda de 950 posições no ranking do Google. Ao contrário da penalidade -30, esta parece afetar apenas um grupo de palavras-chave, não o site todo.

Exclusão do Índice

Essa penalidade não é boataria, pois o Google remove o índice dos sites que não estão de acordo com as suas diretrizes. O fato mais conhecido? BMW alemã. O site simplesmente desapareceu dos resultados do Google. Como identificar? Digite “site:(oseusite).com.br” na busca do Google. Se não retornar nenhum resultado, ou o site ainda não foi indexado pelo Google ou sofreu uma penalidade de exclusão.

Posição 6

Sites de longa data caem da posição 1 ou 2 para a posição 6. Não existem muitos dados a respeito dessa penalidade, mas parecem estar relacionados ao Link Building. Matt Cutts, do Google, entrou na discussão e negou conhecer qualquer penalidade desse sentido.

Como se recuperar de uma penalidade do Google?

Acesse o Google Webmaster Tools (Ferramentas para Webmasters) e verifique se recebeu uma mensagem do Google informando a penalidade. Recorra a causa da penalização do Google por meio do pedido de reconsideração ou remoção da penalidade de posicionamento. É importante você concordar com o Google de que cometeu uma violação de suas diretrizes e afirmar que já removeu o problema.

Otimizar seu site e seo para dispositivos móveis como celulares e tablets é lei!

Muitos editores de sites e webmasters e webdesigners criam sites sem pensar no layout para dispositivos móveis como smartphones e tablets. Se não criam pensando no layout, imagina o SEO, por isso é indispensável já criar seu site de forma responsiva (adaptada) para qualquer tela e dispositivo móvel. Otimizar seu site e seo para dispositivos móveis como celulares e tablet é lei porque sem esta otimização você está perdendo fãs e visitantes potenciais para seu negócio! Pensando nisto o Google criou um vídeo para mostrar como otimizar seu site para dispositivos móveis, que ajudará você a capturar e reter os visitantes que usam esses dispositivos. O Vídeo está em inglês.

Confira uma Estratégia completa de SEO em 7 passos

Construir uma estratégia completa de SEO não é fácil, porém é possível se você seguir regras e parâmetros básicos na construção de parcerias a curto, médio e longo prazo, além de claro ser possível você construir sua própria rede de sites para ter seus próprios backlinks, e uma estratégia a favor de sua url principal, ou endereço que deseja ser trabalhado.

Aqui estão 7 passos necessários para uma boa estratégia de SEO:

1. Conquiste link de parceiros que tenham o mesmo negócio que o seu, ou mesmo nicho, ou correlacionado
2. Crie uma pequena rede de sites que tenham palavras chave correlacionadas com o assunto de seu site principal
3. Crie um conteúdo relevante e especial dentro do seu site e alimente-o frequentemente
4. Espalhe os links nas redes sociais
5. Faça a otimização on page (otimização on page é a otimização interna de títulos, conteúdo, rodapé e o mais que possa ser otimizado internamente dentro do seu site)
6. Melhore o layout ou o design interno de seu site, facilitando a publicação de conteúdo, organização interna e ajustes necessários dentro do site
7. Faça um estudo das principais palavras chave que trazem resultados expressivos para visitas em seu site, este estudo pode ser feito através do Google Adwords, ferramenta display  planner tools.

Se gostou do artigo, comente, curta ou compartilhe na rede social, um abraço!